quarta-feira, 24 de maio de 2017

SINDSEP CONTRATA NOVO ESCRITÓRIO DE ADVOCACIA


CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ADVOCATÍCIOS

Pelo presente instrumento particular de contrato de prestação de serviços advocatícios, que entre si fazem, de um lado, Gomes Pedrosa & Calado - Advocacia, sociedade de advogados inscrita na OAB sob o nº. 1.910, com escritório à Rua Prefeito Antônio Gonçalves, 231, Centro, Bodocó – PE, neste ato representado pelos seus sócios JOÃO PAULO GOMES PEDROSA BEZERRA, portador da OAB/PE 1171-B e CARLOS EDUARDO CARDOSO GOMES DE SOUZA CALADO, portador da OAB/PE 38.538, doravante simplesmente denominado de CONTRATADO e do outro lado o Sindicato dos Servidores  Públicos Municipais de Ouricuri-SINDSEP, entidade representativa dos servidores públicos municipais de Ouricuri-PE, fundada em 10/06/2000, com o CNPJ 04.854.764/0001-03, sediada à Rua Oscar Lins-244, centro, Ouricuri-PE, neste ato representada pela sua Presidenta Espedita Ribeira da Silva Lopes, portadora do CPF nº. 774.892.174-15, a CONTRATANTE, convencionam e contratam o seguinte:

CLÁUSULA PRIMEIRA – DAS OBRIGAÇÕES DO CONTRATADO:
O CONTRATADO obriga-se, face o mandato judicial outorgado, a prestar seus serviços profissionais na defesa dos direitos do CONTRATANTE nas ações que já tramitam em primeiro e segundo grau e nas demais instâncias judiciais brasileiras, bem como em novas ações coletivas que possam vir a ser impetradas contra o Poder Público Municipal, desempenhando com zelo o mandato judicial outorgado, bem como se compromete a realizar atendimento mensal presencial na sede do Sindicato em datas a serem definidas em comum acordo, ainda comparecer a reuniões do Sindicato previamente agendadas e comunicadas ao CONTRATADO, que prestará assessoria e consultoria na área do direito individual e coletivo do trabalho, atuando nas negociações com a Prefeitura Municipal de Ouricuri e Câmara Municipal de Ouricuri; consultoria e ajuizamento/defesa e atuação em dissídios trabalhistas individuais e coletivos; consultoria e atuação nas áreas cível e criminal naquilo que concerne a fatos e atos relacionados com o exercício da função sindical; prestar serviços advocatícios aos sindicalizados em causas particulares dos mesmos, tendo como base a tabela da OAB/PE.

CLÁUSULA SEGUNDA – DAS OBRIGAÇÕES DO CONTRATANTE:
I – Em virtude da remuneração dos serviços descritos na cláusula anterior, o CONTRATANTE pagará a título de honorários convencionais ao CONTRATADO o valor de 1 (um) salário mínimo mensal.
II – O pagamento do disposto no inciso I, deverá ser feito através de cheque nominal ao CONTRATADO, acompanhado do respectivo recibo.
III- As despesas com os serviços advocatícios ficam por conta do CONTRATANTE, que reembolsará o CONTRATADO, mediante apresentação de nota fiscal ou recibo.

CLÁUSULA TERCEIRA – DOCUMENTOS:
O CONTRATANTE se obriga a providenciar todos os documentos solicitados pelo CONTRATADO, necessários ao ajuizamento de ações judiciais ou apresentação de defesas.

CLÁUSULA QUARTA – DA VIGÊNCIA:
O termo inicial do presente CONTRATO é o de sua assinatura, e seu termo final será após 365 (trezentos e sessenta e cinco dias), ou seja, este terá vigor por um ano.
CLÁUSULA QUINTA – DA HIPÓTESE DE REVOGAÇÃO DO MANDATO
Na hipótese de revogação do presente mandato sem culpa do CONTRATADO ou circunstância não determinada pelo mesmo que impossibilite o seu prosseguimento na demanda, não será necessária nenhuma compensação financeira por parte do CONTRANTE.

CLÁUSULA SEXTA – DAS DISPOSIÇÕES LEGAIS APLICÁVEIS:
Nas relações obrigacionais advindas deste CONTRATO, e para os atos advocatícios próprios à sua execução, aplicam-se, no que couber, as normas legais, regulamentares e éticas, relativas a regulamentação do exercício da Advocacia.

CLÁUSULA SÉTIMA – DO FORO:
As partes contratantes elegem o Foro da Comarca de OURICURI – PE, para eventual solução de quaisquer questões decorrentes da execução deste CONTRATO. E para que surta os seus jurídicos e legais efeitos, como prova de assim haverem contratado, firmam o presente instrumento particular de contrato em 02 (duas) vias de igual teor.

Ouricuri – PE, 03 de maio de 2017.

sexta-feira, 12 de maio de 2017

PROPOSTA DE REAJUSTE SALARIAL É APROVADA EM ASSEMBLEIA

A Diretoria do SINDSEP, desde de janeiro/2017, vinha cobrando do Poder Executivo os reajustes salariais para todos os servidores. 
Foram encaminhados diversos ofícios ao Prefeito Ricardo Ramos solicitando reunião para tratar do assunto.
Algumas reuniões aconteceram, mas o acordo não saía.
O Governo alegava que a folha de pagamento dos servidores estava ultrapassando o limite de gastos e que não poderia conceder nenhum tipo de vantagem financeira aos servidores enquanto a situação financeira do município não fosse resolvida.
Diante da demora da gestão em resolver a questão, o Sindicato passou a intensificar as ações da Campanha Salarial 2017, aprovada na 1ª Assembleia Geral Extraordinária de 20 de abril, dentre as várias reivindicações, os reajustes salariais para todos os servidores eram os mais urgentes.
O SINDSEP se utilizou dos meios de comunicação, como rádios e internet, principalmente nas redes sociais, levou ao conhecimento geral a Campanha Salarial, o andamento das negociações com a prefeitura, a insatisfação dos servidores com a demora na concessão dos reajustes e uma possível deflagração de greve geral. Isso tudo contribuiu para pressionar o governo a agilizar os reajustes.
A participação efetiva do SINDSEP na Greve Geral Nacional contra as reformas da previdência e trabalhista no dia 28 de abril e também nos protestos na visita do Governador Paulo Câmara, onde fizemos manifestações na Rádio Voluntários, UPAE e Escola Fernando Bezerra. Acompanhando a comitiva e cobrando do Governo do Estado ações para a região. Isso também contribuiu para deixar claro para o Prefeito Ricardo Ramos (anfitrião da comitiva do governador), que o Sindicato estava pronto para lutar pelos reajustes dos servidores.
Tivemos uma longa reunião com o governo no dia 18 de abril, onde não se chegou a nenhum acordo. Mas saímos com o compromisso do gestor em apresentar a sua proposta de reajuste salarial na primeira quinzena de maio/2017.
Convidamos o Prefeito Ricardo Ramos para a assembleia do dia 20 de abril, mas ele não compareceu, apenas enviou um ofício pedindo o prazo.
A Diretoria do SINDSEP pediu a assembleia que concedesse este prazo e marcou uma nova assembleia para 12 de maio. Essa proposta foi aprovada. 
Esgotado o prazo concedido pelos servidores, o Governo convidou a Diretoria do Sindicato para uma reunião como havia ficado combinado.
A reunião aconteceu no dia 10 de maio de durou cerca de três horas.
A proposta inicial da prefeitura era reajuste salarial para os professores a partir de maio e demais servidores a partir de junho, com retroativo somente para os professores. 
De pronto a Diretoria do SINDSEP recusou e criticou a proposta do governo. Iniciou-se então uma intensa negociação. A Diretoria defendia os reajustes e retroativos para todos a partir de maio. O prefeito disse que não havia dinheiro para isso. Desenhava-se uma frustração nas negociações. 
O que estava emperrando os avanços era o retroativo. 
A Diretoria então propôs a concessão dos reajustes para todos a partir de maio e o retroativo dos quatro meses ficaria para ser discutido em julho/2017. 
Essa proposta foi aceita pelo governo, que se comprometeu em apresentá-la na assembleia.
A Assembleia Geral aconteceu no dia 12 de maio, compareceu o Procurador Municipal, Dr. Wilker Barreto representando o governo, fez a apresentação da proposta nos seguintes termos: 
1-Reajuste salarial para os professores de 7,64% a partir de maio/2017;
2-Reajuste salarial para os demais servidores de 6,47% a partir de maio/2017;
3-Reajuste estendido para os aposentados e pensionistas;
4-RETROATIVO será pago a todos os servidores, inclusive aposentados e pensionistas, mas a forma de pagamento será decidida em julho/2017;
Nas discussões, alguns servidores se manifestaram contra e outros favoráveis, a Presidenta colocou em votação e a proposta foi aprovada pela maioria dos filiados presentes na assembleia.

O SINDSEP contratou o Escritório de Advocacia Gomes Pedroza e Calado para defender os interesses da Entidade Sindical e também dos seus filiados.
O SINDSEP fez uma linda homenagem às mães presentes na assembleia, com direito a presentes e chocolates. Parabéns!

Com os reajustes salariais no bolso, vamos agora atrás do retroativo janeiro-abril.
A LUTA CONTINUA...

segunda-feira, 8 de maio de 2017

SINDSEP ENTREGA CARTA AO GOVERNADOR CONTRA AS REFORMAS DA PREVIDÊNCIA E TRABALHISTA E COBRA AÇÕES PARA A REGIÃO



REAJUSTES SALARIAIS E CALENDÁRIO DE MANIFESTAÇÕES NA PAUTA DA ASSEMBLEIA DO SINDSEP DIA 12 DE MAIO


EDITAL DE CONVOCAÇÃO

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ouricuri-SINDSEP, através da sua presidenta, abaixo-assinada e no uso de suas atribuições legais, resolve convocar a ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DE 2017, com todos os servidores sindicalizados, para sexta-feira, dia 12 de maio de 2017, no Auditório do SINDSEP.

Em primeira convocação às 9:30h com 2/3 dos sócios e em segunda convocação às 10:00h com qualquer número de sindicalizados.

Com a seguinte ordem do dia:


-REAJUSTES SALARIAIS PARA TODOS OS SERVIDORES;

-CALENDÁRIO DE MANIFESTAÇÕES EM DEFESA DOS REAJUSTES SALARIAIS PARA TODOS OS SERVIDORES;


Espedita Ribeiro da Silva Lopes
Presidenta

sábado, 29 de abril de 2017

BLOG DO SINDSEP ULTRAPASSA 300 MIL ACESSOS - OBRIGADO!

O Blog do SINDSEP foi criado com o objetivo de levar aos servidores sindicalizados, através da internet, informações precisas, atualizadas e confiáveis.
Aos poucos o Blog do SINDSEP foi conquistando o seu espaço e passou a ser um veículo de comunicação de grande credibilidade.
Além dos servidores, conquistou a sociedade ouricuriense, os araripianos, os brasileiros e os terraquianos que passaram a acessar as publicações através da internet, principalmente nas redes sociais.
Estamos felizes com esse crescimento e aumentou ainda mais a nossa responsabilidade na produção da notícia.
Não foi fácil, requer muito trabalho, atenção, dedicação, paciência, pesquisa, checagem e a busca da notícia, que passamos através de uma linguagem acessível a todos os públicos.
O trabalho tem valido a pena e atingido o objetivo principal que é levar ao conhecimento das pessoas que acessam o Blog do SINDSEP informações do interesse dos servidores.
Só temos a agradecer a todos vocês que acessam o nosso querido Blog do SINDSEP.
O Blog do SINDSEP foi criado em agosto/2010. Em janeiro/2015 atingiu a marca de 100 mil acessos. Em agosto/2016 chegou a 200 mil acessos e em março/2017 atinge 300 mil acessos.
 
VALEU PESSOAL!!!

sexta-feira, 28 de abril de 2017

SINDSEP PARTICIPA DA GREVE GERAL CONTRA AS REFORMAS DA PREVIDÊNCIA E TRABALHISTA


O SINDSEP participou da passeata contra as reformas da previdência e trabalhista no dia 28 de abril em Ouricuri. 
O ato foi promovido em parceria com a FETAPE e o Sindicatos dos Trabalhadores Rurais de Ouricuri. 
Participaram da manifestação diversas entidades e instituições da Região do Araripe: SINTEPE, SINDSAUDE, IF-Sertão, Cresol, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santa Cruz e de Trindade, ONG Caatinga, MST, MPA, MTST, Grupo de Mulheres Jurema, Associação dos Agentes de Saúde, SINDSPREV, SINDFISCO, associações rurais e urbanas, consócios de associações e conselhos municipais.
O ato contou também com grande número de estudantes da rede estadual e municipal de ensino, servidores públicos estaduais, municipais e federal e agricultores rurais.
O movimento teve apoio de alguns comerciantes que fecharam as portas do seu comércio quando a passeata passava, apesar da orientação contrária da CDL, o que causou muitas críticas dos manifestantes.
A concentração foi a partir da 8 horas da manhã, defronte a Prefeitura de Ouricuri, onde os manifestantes compareceram em massa, com apitos, bandeiras, faixas e cartazes. Por volta das 9 horas, a passeata começou, contornando a Praça da Prefeitura, passando pela feira livre, indo até o Banco do Brasil. Passou pela Escola São Vicente, indo pela rua da Popular Móveis até a Avenida Fernando Bezerra. De lá até o centro comercial, onde os manifestantes pararam o trânsito em todos os sentidos no semáforo central. 
A paralisação por quase meia hora, mas que contou com a compreensão dos motoristas que respeitaram o protesto.




A passeata seguiu pela Avenida Antonio Pedro da Silva, pegou a rua da Delegacia de Polícia Civil indo até a Agência do INSS, onde foi realizado o encerramento do ato com as falas dos representantes dos servidores do INSS, dos estudantes e dos agricultores. Em seguida os agradecimentos dos representantes da FETAPE, STR e SINDSEP.
O ato foi encerrado por volta das 11 horas da manhã com o hino nacional "fora temer".
O SINDSEP avaliou como bastante positiva a passeata, que contou com mais de três mil manifestantes. A palavra foi franqueada durante toda a caminhada, onde por mais de duas horas os participantes tiveram a oportunidade de expressar a sua opinião sobre as reformas propostas pelo governo federal e que tramitam no congresso nacional. 
Reformas da previdência e Trabalhista que retiram direitos históricos dos trabalhadores, rasga a CLT, assassina a Constituição Cidadã de 1988 e condena o povo brasileiro a escravidão.
O dia nacional de lutas, pelo menos em Ouricuri, transcorreu dentro da mais perfeita normalidade. Não registramos nenhum ato de vandalismo, desrespeito, violência, nada em fim, parabéns aos que lutam de forma pacífica pelo que acredita.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

ASSEMBLEIA DO SINDSEP APROVA PRAZO DE 10 DIAS PARA PREFEITO APRESENTAR PROPOSTA DE REAJUSTE SALARIAL PARA SERVIDORES

SINDSEP realizou na quinta-feira(20) a 1ª ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DE 2017, no Auditório do SINDSEP.
A reunião foi iniciada às 10h e encerrada às 13h e contou com grande número de filiados e filiadas.
Havia uma expectativa da presença do Prefeito Ricardo Ramos, apesar de convidado formalmente ele não compareceu, mas enviou um ofício narrando as dificuldades financeiras do município e pedindo um prazo aos servidores até o dia 30 de abril para concluir os levantamentos contábeis e que no início de maio apresentará uma proposta que atenda os anseios dos servidores, mas que segundo ele esteja dentro da realidade financeiro do município.

Os assuntos discutidos e seus desdobramentos:

1-Prestação de contas do SINDSEP do exercício 2016
Foi realizada a prestação de contas, a leitura das despesas correntes e eventuais, dos pagamentos de pessoal e diversos, bem como foi repassado para conhecimento geral os valores das receitas da entidade. 
Todo o serviço de contabilidade é acompanhamento pelo Conselho Regional de Contabilidade de Pernambuco e pelo Contador Erasmo Correia Rodrigues que presta assessoria contábil ao Sindicato a 16 anos e posterior declaração à Receita Federal. O SINDSEP está com toda a documentação em dia junto aos órgãos fiscalizadores, como o Ministério do Trabalho e Emprego e Caixa Econômica Federal.  
A Secretária de Finanças Analberga Maria se colocou a disposição dos filiados para eventuais dúvidas e esclarecimentos e acrescentou que a prestação de contas é publicada mensalmente no mural do Sindicato e na internet no endereço eletrônico: sindsepeouricuri.blogspot.com.

2-Plano de lutas para 2017 aprovado pela assembleia
1-Calendário de pagamento dos salários para ativos e inativos;
2-Atualização e melhoria dos Planos de Cargos e Carreiras;
3-Lutar pelos reajustes salariais;
4-Plano de Cargos e Carreiras para os novos concursados;
5-Quinquênios e Plano de Cargos e Carreiras para os Agentes de Endemias;
6-Melhoria das condições de trabalho dos Agentes de Trânsito;
7-Transformar o prédio da antiga sede do SINDSEP em um Centro Médico;
8-Realizar anualmente a Festa do SINDSEP e ampliar os prêmios;
9-Fazer campanhas para ampliar o número de filiados;
10-Prestar assistência jurídica aos filiados;
11-Cobrar da prefeitura o retorno do contracheque on-line com margem consignada e funcionamento 24 horas e que seja implantado também no FUNPREO;
12-Cobrar da prefeitura e do FUNPREO agilização da concessão das aposentadorias e pensões;
13-Cursos de formação continuada para os servidores;
14-Fardamento padronizado completo para alunos e funcionários; 
15-Lutar pela melhoria da infraestrutura dos prédios públicos e das condições de trabalho do servidor;
16-Zelar pelo concurso público e cobrar da prefeitura a nomeação e posse dos aprovados;
17-Fiscalizar, monitorar e lutar pelo cumprimento do Plano Municipal de Educação de Ouricuri;
18-Lutar pelo fim dos anexos escolares e pelo fim das salas multisseriadas;
19-Lutar pela ampliação da carga horária do professor para 200h com o piso do magistério integral, a critério do professor;
20-Lutar pela garantia de mais recursos do orçamento municipal para merenda escolar e transporte escolar; 
21-Cobrar da prefeitura a regularidade dos repasses funcional e patronal para o FUNPREO, bem como o pagamento da dívida existente;
22-Criação de um calendário de concessão das licenças-prêmios;
23-Concessão do difícil-acesso, insalubridade, periculosidade, estabilidade financeiras e demais direitos dos servidores;
24-Continuar acompanhando o processo do FUNDEF e lutar pela divisão justa do dinheiro entre os professores e demais servidores da educação;
25-Continuidade da construção do Clube do SINDSEP;
OBS. As novas propostas apresentadas pela assembleia serão acrescentadas assim que possível...
3-Greve Geral Nacional dia 28 de abril aprovado por unanimidade
A Diretoria do SINDSEP propôs a adesão à greve e a realização de um movimento de rua contra as reformas da previdência e trabalhista.
O SINDSEP realizou um ato público contra as reformas no dia 15 de março, aderiu a parada nacional e participou da Audiência Pública em Recife no dia 17 de abril junto às demais entidades sindicais e sociais do Estado acompanhadas de mais de cinco mil trabalhadores.
Além disso, usar o dia 28 de abril como uma prévia na luta pelos reajustes salariais dos servidores com uma pauta municipal.
Essa proposta foi aprovada por unanimidade.

4-Reajuste salariais;
O Prefeito encaminhou um ofício pedindo um prazo de 10 dias para concluir os estudos necessários para apresentação de uma proposta de reajustes salariais para todos os servidores, inclusive o pagamento dos valores retroativos a janeiro/2017.
A Diretoria do SINDSEP fez uma explanação sobre as negociações, colocou os servidores a par de todos os detalhes jurídicos, administrativos e financeiros sobre os reajustes e apresentou uma proposta de atender ao pedido do Poder Executivo, aguardar até o dia 30 de abril e realizar uma assembleia na primeira quinzena de maio para deliberar sobre os desdobramentos das negociações.
A proposta foi colocada em discussão, houve falas bastante acalouradas, surgiram novas propostas de iniciar as paralisações desde já, mas ao final, colocada em votação, a proposta da Diretoria foi aprovada pela maioria. Portanto, o prefeito tem 10 dias para apresentar uma proposta de pagamento das pendências, a partir daí a Presidenta Didi Ribeiro convocará assembleia extraordinária para tomada de novas decisões que levem a conquista dos reajustes salarial.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

SINDSEP CONVOCA FILIADOS PARA A 1ª ASSEMBLEIA EXTRAORDINÁRIA SOBRE A CAMPANHA SALARIAL 2017

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ouricuri-SINDSEP, através da sua presidenta, abaixo-assinada e no uso de suas atribuições legais, resolve convocar a ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DE 2017, com todos os servidores sindicalizados, para quinta-feira, dia 20 de abril de 2017, no Auditório do SINDSEP.

Em primeira convocação às 9:30h com 2/3 dos sócios e em segunda convocação às 10:00h com qualquer número de sindicalizados.


Com a seguinte ordem do dia:


-PRESTAÇÃO DE CONTAS DO SINDSEP, EXERCÍCIO 2016;
-PLANO DE LUTAS PARA 2017;
-CAMPANHA SALARIAL 2017;
-GREVE GERAL NACIONAL DIA 28 DE ABRIL


Espedita Ribeiro da Silva Lopes
Presidenta

sexta-feira, 7 de abril de 2017

SINDSEP REALIZA CERIMÔNIA DE POSSE DA DIRETORIA



No dia 6 de abril de 2017 aconteceu a Cerimônia de posse dos novos diretores da Entidade Sindical para o triênio 2018-2020.
A assembleia teve início às 10 horas da manhã, no Auditório do SINDSEP com a presença de muitos filiados.
Fizeram-se presentes ainda o Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ouricuri, Sr. André Valério, o coordenador regional da FETAPE Sr. Antonio Francisco da Silva (Ferrinho), a coordenada do núcleo sindical regional do SINTEPE Professora Rosailza Maria da Silva, representante da ONG Caatinga Sr. Ariagildo Vieira e o Vereador Alex Bar.

A Presidenta da Comissão Eleitoral Francileide Tavares conduziu a cerimônia, fez o chamamento dos eleitos para assinarem o Termo de Posse e em seguida proferirem o juramento.
Francileide entregou a faixa presidencial a Espedita Ribeiro e agradeceu a Diretoria do Sindicato pela nomeação para a Comissão Eleitoral.
Seguiu-se franqueamento da palavra. Sr. Andre Valério parabenizou a vitória nas eleições e colocou o STR como parceiro na luta pelos trabalhadores. Sr. Ferrinho disse que essa união dos sindicatos que representam os trabalhadores urbanos e rurais é de suma importância para garantir direitos e convidou o SINDSEP para participar de um evento dia 17 de abril em Recife-PE, na Assembleia Legislativa contra a reforma da previdência. Professora Rozailza parabenizou pela vitória expressiva e disse que a responsabilidade aumenta com a reeleição, por fim desejou sucesso. Sr. Ariagildo em forma de versos falou a importância da luta das entidades pelo trabalhador e principalmente pela educação, ressaltando a dívida histórica do país com os professores. O vereador Alex Bar falou da sua admiração pelo SINDSEP, o quanto a Entidade cresceu sob a administração da atual Diretoria, frisou a expressiva votação e se colocou a disposição para contribuir com as conquistas para os servidores.

A Presidenta reeleita Didi Ribeiro agradeceu o apoio e reafirmou o seu compromisso com os servidores na defesa dos seus direitos. Falou das conquistas históricas dos planos de cargos e carreiras. Disse que serão cumpridas as propostas apresentadas durante a eleição. 
Quer ver mais fotos da posse clique aqui

DIRETORIA EXECUTIVA-Mandato 2018/2020
Presidenta: ESPEDITA RIBEIRO DA SILVA LOPES
Vice-presidente: ANALBERGA MARIA DE OLIVEIRA LINO
Sec. Geral: FAGNA LEIDE DA SILVA LEITE SILVA
Sec. de Finanças: DHONE MONTEIRO GALVÃO
Sec. de Com. e Formação: LUIS ARCENIO DE ALENCAR IRMÃO

SUPLENTES
1º Suplente: HERCÍLIO BARBOSA TEIXEIRA
2º Suplente: JOSIMAR MARCELINO DOS SANTOS
3º Suplente: JUAREZ NUNES COSTA
4ª Suplente: EXPEDITA MARIA DOS SANTOS FILHA

CONSELHO FISCAL
1º Titular: GENECINDO MIGUEL DE LIMA
2° Titular: EDNALDO PEREIRA LUNA
3º Titular: OLAVO GOMES ROCHA

SUPLENTES
1ª Suplente: JOSEFA DA CONCEIÇÃO SANTOS
2° Suplente: LUIZ COSTA DE OLIVEIRA
3ª Suplente: ROZALIA PEREIRA PAZ OLIVEIRA

Propostas de luta!

1.    Continuar lutando pela implantação de um calendário de pagamento dos salários dos servidores ativos e inativos dentro do mês;
2.    Continuar lutando pela atualização anual e melhoria dos Planos de Cargos e Carreiras dos servidores e dos professores com a ampliação dos percentuais das faixas, classes e matrizes; 
3.    Continuar lutando pelo reajuste do piso salarial dos professores;
4.    Lutar pelo Plano de Cargos e Carreiras para os novos concursados;
5.    Continuar lutando pelos quinquênios e Plano de Cargos e Carreiras para os Agentes de Endemias;
6.    Lutar pela melhoria das condições de trabalho dos Agentes de Trânsito;
7.    Continuar a construção do Clube do SINDSEP para oferecer um espaço de lazer de qualidade para os filiados e seus dependentes;
8.    Transformar o prédio da antiga sede do SINDSEP em um Centro Médico para atender os filiados;  
9.    Continuar realizando a Festa do SINDSEP e ampliar os prêmios;
10.  Continuar fazendo campanhas para ampliar o número de filiados;
11.  Continuar prestando assistência jurídica aos filiados, bem como cuidar dos processos de interesse dos SINDSEP;
12.  Cobrar da prefeitura o retorno do sistema de contracheque on-line com margem consignada e funcionamento 24 horas e que seja implantado também no FUNPREO;
13.  Continuar lutando pela agilização da concessão das aposentadorias e pensões junto ao FUNPREO;
14.  Continuar lutando por cursos de formação continuada para todos os servidores com temas direcionados à carreira e preparatórios à ascensão funcional, bem como equipamentos de segurança; 
15.  Continuar lutando pela aquisição de fardamento padronizado completo para alunos e funcionários, distribuídos anualmente; 
16.  Continuar lutando pela construção de quadras de esportes, cantinas, salas de informática, biblioteca digital, climatização dos ambientes, banheiros dignos em todas as escolas;
17.  Continuar lutando pela reforma das escolas e demais prédios públicos, buscando oferecer um padrão de qualidade, melhorando as condições de trabalho dos servidores e demais pessoas que frequentam os locais;
18.  Continuar lutando pelo concurso público, pela nomeação e posse dos aprovados;
19.  Continuar lutando pela lei estabelecendo o número máximo de alunos por sala de aula de acordo com a faixa etária;
20.  Continuar lutando pelo cumprimento do Plano Municipal de Educação de Ouricuri;
21.  Continuar lutando pela construção de novas escolas, visando acabar com os prédios alugados, melhorando a infraestrutura, com acessibilidade; 
22.  Continuar lutando pela criação de escolas-núcleo na zona rural, acabando com salas multisseriadas, mantendo os alunos estudando no local onde possuem a sua identidade histórico-cultural;
23.  Continuar lutando pela implantação de escolas em tempo integral, ofertando ao aluno múltiplas oportunidades de ensino e atendimento especializado;
24.  Continuar lutando pela ampliação da carga horária do professor para 200h com o piso do magistério integral, a critério do professor;
25.  Continuar lutando pela garantia de mais recursos do orçamento municipal para merenda escolar e aquisição de ônibus escolares; 
26.  Continuar lutando pela saúde financeira do FUNPREO e exigir da prefeitura os repasses funcional e patronal em dia, bem como o pagamento da dívida existente;
27.  Continuar lutando pela concessão das licenças-prêmios por critério de direito e não por indicação política;
28.  Continuar lutando pela concessão do difícil-acesso, insalubridade, periculosidade, estabilidade financeiras e demais direitos dos servidores;
29.  Continuar mantendo parceria com os sindicatos, associações e demais entidades que atuam na defesa dos direito dos trabalhadores em âmbito municipal, estadual e federal;

30.  Continuar acompanhando o processo do FUNDEF e lutar pela divisão justa do dinheiro entre os professores e demais servidores da educação;